Não vendemos peças!

Em dias de muito sol e calor, precisamos conservar os alimentos para que não percam e também conservarmos as bebidas sempre geladas, principalmente a água. Mas, para que isso seja eficiente, precisamos entender qual geladeira consome menos energia, certo?

Sem a geladeira, onde vamos armazenar os alimentos já prontos? Ela é uma das peças fundamentais da nossa cozinha, juntamente com o fogão. Mas, dentre tantas opções disponíveis no mercado, saiba como escolher uma que gasta menos energia!

Tipos mais comuns de geladeira

As geladeiras deixaram de ser apenas um eletrodoméstico para armazenar alimentos. Elas passaram a ser parte da decoração da cozinha e também sinônimo de tecnologia e diversas funcionalidades

Quem nunca desejou ter aquelas geladeiras lindas em inox e um dispenser de água na porta? Mas, esses modelos costumam ser os mais caros do mercado, e podem até gastar mais energia! As geladeiras podem ter:

  • Uma porta e o freezer na parte interna;
  • Duas portas, com o freezer na parte de cima (com abertura individual);
  • Freezer invertido – a parte maior em cima e o freezer embaixo;
  • Duas portas uma do lado da outra, espaço interno maior, dispenser de água e freezer acoplado embaixo;

As geladeiras também seguem a regra de que se tiverem o selo A, são consideradas mais econômicas. Por isso, mesmo que ela seja linda, muitos recursos acoplados podem significar aumento na sua conta de luz!

Como funciona o consumo de energia de uma geladeira

E falando sobre consumo de energia, uma geladeira comum frost-free (onde o descongelamento é desnecessário), pode consumir em média cerca de 56,88 kWh por mês. Já uma geladeira mais simples pode gastar, em média, 25,2 kWh por mês.

Se a sua família é grande e há muitas aberturas de porta durante o dia, principalmente no calor, considere comprar uma geladeira no modelo frost-free e com duas portas separadas (freezer em cima e a segunda porta embaixo).

Caso uma pessoa more sozinha, como por exemplo estudantes, solteiros ou alguém que muda muito de cidade a trabalho, pode economizar muito dinheiro comprando uma geladeira menor, do tipo com uma porta. 

Como escolher uma geladeira funcional e econômica

Depois de analisar as suas necessidades, lembre-se que quanto mais recursos uma geladeira possui, provavelmente ela gastará mais energia para manter todos os seus aparatos. 

  • Uma geladeira duplex por exemplo, gasta cerca de 31 kW / mês;
  • Um modelo duplex que possui outras funções, como o resfriamento independente do freezer e da parte interna, gasta cerca de 38 kW / mês;
  • A geladeira no modelo inverse (freezer na parte de baixo e parte interna em cima), gasta em média 39,9 kW / mês;
  • Uma geladeira de apenas uma porta (com freezer interno) gasta 31,6 kW / mês; 

Preciso escolher a geladeira da melhor marca?

A marca nem sempre influencia na qualidade do produto, apesar de ser mais conhecida no mercado. Ao optar por uma geladeira de marca famosa, é preciso considerar o preço mais elevado, a garantia e se o prazo de entrega será atendido.

No mais, cada pessoa conhece o seu próprio orçamento e sabe a capacidade de pagar por uma geladeira mais cara ou mais barata – mas que atenda às suas necessidades diárias, sem aumentar a conta de luz!

Cuidados que se deve ter com a geladeira

Independentemente se a geladeira é nova ou usada, os cuidados para economizar e mantê-la sempre funcionando são os mesmos. Afinal, o investimento para comprar um refrigerador novo é grande.

  • Deve-se evitar deixá-la exposta perto de fontes de calor, como o fogão, micro-ondas ou forno, pois ela trabalhará mais para manter a temperatura interna;
  • As portas da geladeira devem vedar completamente, ou seja, se a borracha não está fechando, com certeza os alimentos não serão bem refrigerados;
  • Nos dias mais quentes do ano, evite abrir a porta da geladeira muitas vezes. Isso não só aumenta o gasto de energia, como também desregula a temperatura interna do seu refrigerador;
  • Manter o termostato ajustado na temperatura adequada é um ótimo jeito de conservar a sua geladeira: no inverno, deixe-o ajustado na temperatura mínima. No verão, ajuste conforme o uso no dia a dia. 

Agora que você já sabe como escolher uma geladeira que consome menos energia, confira outros artigos semelhantes em nosso blog! Veja também as soluções que a Assistência Técnica BH pode fazer por você!

Acompanhe nossas dicas!

Muitos problemas do seu eletrodoméstico podem ser evitados com conservação correta. Acompanhe nossas dicas e fique por dentro.

Saiba das novidades em primeira mão!

    Reveba as novidades da Assistência Técnica BH